SEJAM BEM VINDOS

AGRADECEMOS A VISITA!!!!

"Escola é...o lugar onde se faz amigos. Não se trata só de prédios, salas, quadros, programas, horários, conceitos...Escola é, sobretudo, gente,gente que trabalha, que estuda,que se alegra, se conhece, se estima. O diretor é gente, O coordenador é gente, o professor é gente, o aluno é gente, cada funcionário é gente. E a escola será cada vez melhor na medida em que cada um se comporte como colega, amigo, irmão. Nada de ‘ilha cercada de gente por todos os lados’. Nada de conviver com as pessoas e depois descobrir que não tem amizade a ninguém. Nada de ser como o tijolo que forma a parede, indiferente, frio, só. Importante na escola não é só estudar, não é só trabalhar, é também criar laços de amizade, é criar ambiente de camaradagem, é conviver, é se ‘amarrar nela’! Ora , é lógico...numa escola assim vai ser fácil estudar, trabalhar, crescer, fazer amigos, educar-se, ser feliz."
(“A Escola”, poema de Paulo Freire
)

sexta-feira, 6 de março de 2009

EDUCAÇÃO INCLUSIVA
A escola, vista como um ambiente onde a diversidade impera, deve servir como veículo de acolhida respeitosa e qualitativa dessa diversidade.
Cada criança que vem para a escola traz uma excelente herança cultural, além do dom da individualidade, acrescentando conhecimentos para nossa vida, mesmo que os indivíduos sejam do mesmo grupo social, comunidade ou famíla, todos têm algo a acrescentar um para o outro.
Apesar das diferenças ( ou graças a elas), as crianças também têm necessidades comuns. Precisam ser cuidadas, valorizadas pelo que são ou pelo que fazem. Faz-se necessário que cada pessoa demonstre às crianças (e aos adultos também) que elas são importantes dentro do grupo, com experiências a compartilhar e potencialidades para desenvolver. É preciso explorar em cada criança toda sua capacidade e valorizar as habilidades, a aprendizagem e as tentativas de aprendizagem de cada uma.
Para uma escola inclusiva é interessante que seja oferecido oportunidades desafidoras, mas não difíceis em excesso. Considerar variadas formas de vencer as atividades, pois assim, a criança poderá alcançar o sucesso fazendo uso sde suas habilidades, mesmo quando tiver alguma dificuldade, permitindo que faça escolhas.
Quando lidar com uma crinaça com necessidades especiais, considere, em primeiro lugar, o fato de que é criança e tem desejos e necessidades comuns a todas as crianças. As especificidades da deficiência não a impedem de ter sucesso. Só é necessário oferecer-lhe formas diferentes de ter sucesso. Quando em grupo, considere as questões que as próprias crianças levantam para trabalhar a diversidade. Assim tudo acontecerá naturalmente.
Prof.Ilda

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

DEIXE SEU RECADO!!

visitas online